Bmx

Quando pensa em desportos radicais, BMX é sempre das primeiras coisas que ocorre a uma pessoa. É extremo, cheio de estilo e ideal para todos os amantes de adrenalina.

 BMX consiste em corridas em pistas de terra, oriundas do final da década de 1950. na Europa. Ficou mais popular na na Califórnia no começo dos anos 60. Contudo,  foi descoberto que na verdade teve origem na Holanda, não na Califórnia, como se costumava pensar.

 

medium_279880653

As bicicletas BMX estão disponíveis nestes tipos de modelos:

· Race

 · Freestyle

 · Dirt

 · Flatland

· Street

· Park

 

Muita atenção ao modelo que escolhe, pois cada um deles adapta-se a uma modalidade específica de BMX. Esta é o primeiro passo a considerar ao tornar-se biker: qual modalidade é a sua?

O BMX é dividido em duas modalidades: BMX Racing e BMX Freestyle, sendo este último dividido em várias modalidades:

Dirt Jumping

Nesta modalidade as rampas são feitas de terra, contituídas por um estilo único, duplo ou sequenciais. Verifica-se muito tipos de manobras vindos de vert e bicicross. É dos estilos mais populares da actualidade, onde que coisa que não falta é velocidade e emoção. Porém, se é praticante desta modalidade, tenha sempre cuidados redobrados, pois exige bastante treino e é garantido que vai cair bastantes vezes.

Vert

Esta modalidade é feita em half pipes (pistas em forma de U) em que os participantes procuram atingir o máximo de velcodiade possível de forma a executar truques aéreos em cada uma das extremidades. Pode encontrar estes half pipes em skate parks, decerto tem algum colocado na sua cidade.

Street

Em Street, basicamente tudo pode ser transposto executando flatlands. Deve considerar todos os elementos na rua como um obstáculo, o que na verdade acaba por tornar tudo mais divertido, mas também mais arriscado.

Park

Park é praticado em percursos fechados, onde se encontram vários pipes, corrimões, paredes, tudo o que possa simular os elementos do exterior. Muito preferido pelos adeptos hardcore de BMX. Pode fazer o que faz em Vert e muito, muito mais.

Flatland

Aqui não existem quaisquer obstáculos, o praticante deve guiar a bicicleta num intenso jogo de manobras e equilíbrio, transpondo de uma manobra para a outra sem interrupções. Exige bastante técnica e concentração, já para não falar de um alto nível de treino.

Em relação ao equipamento, recomenda-se que tome sempre as devidas precauções, utilizando um bom capacete, armadura, joelheiras, cotoveleiras, luvas, calças/calções e, acima de tudo, uma excelente bicicleta que nunca o deixe mal. Esta deve passar por uma manutenção exaustiva de tempos a tempos, ou correrá o risco de se estatelar no chão a certa altura, provocando danos graves no seu corpo e na bicicleta. Além disso, se não estiver a utilizar o modelo certo para a sua modalidade, as probabilidades de falhar são muito maiores.

Para quem procura um desporto bastante radical, o BMX é o caminho a seguir.

Pode escolher a modalidade que melhor se adequa a si e ainda tentar-se tornar profissional nessa área, ou simplesmente fazer umas manobras de vez em quando em nome da diversão.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *